XBD, HT, CELO, AVAX, DCR, QNT, NEAR, WAVES – as piores da semana

Avatar



Análise das oito criptomoedas que mais caíram nos últimos sete dias, de 24 de setembro a 1º de outubro.

As criptomoedas que mais desvalorizaram na semana foram:

  1. Digitalbits (XBD): -22,60%;
  2. Huobi Tojen (HT): -11,98%;
  3. Celo (CELO): -8,13%;
  4. Avalanche (AVAX): -6,21%;
  5. Decred (DCR): -3,11%;
  6. Quant (QNT): -277%;
  7. NEAR Protocol (NEAR): -2,28%;
  8. Waves (WAVES): -0,95%.

XDB

O XDB está em tendência de queda desde o dia 15 de setembro, quando atingiu a máxima histórica de US$ 0,69. O movimento levou o token a uma baixa de US$ 0,23 nesta sexta-feira (1). Isso representou uma queda de 66% desde o seu preço recorde.

O token voltou a subir significativamente no mesmo dia, criando um pavio inferior muito longo (ícone verde). O salto serviu para validar uma linha de tendência alta e o nível de retração de 0,618 de Fibonacci em US$ 0,28 como suporte de preço.

A fim de confirmar a reversão de tendência, o XDB precisa romper a linha de tendência de baixa (tracejada) que está em vigor desde a sua máxima histórica.

Gráfico do XDB no TradingView

HT

O HT está em forte queda desde 7 de setembro. No último domingo (26) o token atingiu uma baixa de US$ 5,85. No entanto, ele criou um pavio inferior longo e, potencialmente, um padrão de fundo duplo em relação ao preço do dia 20 de julho.

Embora o token tenha subido, o salto foi fraco até o momento. Além disso, o RSI e o MACD indicam baixa. Existe uma resistência muito forte entre US$ 11,75 e US$ 13,13.

Gráfico do HT no TradingView

CELO

O CELO está em tendência de baixa desde a criação da segunda parte de um padrão de topo duplo no dia 24 de setembro. O padrão foi combinado com divergências de baixa tanto no RSI quanto no MACD.

No entanto, após a queda que se seguiu, o token voltou a subir após atingir uma linha de tendência de alta (ícone verde) na quinta-feira (30). Quando combinado com a área de resistência de US$ 7,50, isso cria um potencial triângulo que é considerado um padrão de alta.

Gráfico do CELO no TradingView

AVAX

O AVAX está em queda desde que atingiu a máxima histórica de US$ 79,80 no dia 23 de setembro. É possível que ativo esteja sendo negociado dentro de um triângulo simétrico, que é considerado um padrão neutro.

Além disso, os indicadores técnicos em tempos gráficos menores são neutros. O RSI está bem na linha 50 e o MACD está na linha 0. Portanto, a direção da tendência é indeterminada.

Gráfico da AVAX no TradingView

DCR

O DCR está caindo desde 2 de setembro. Na terça-feira (28), ele atingiu uma mínima de US$ 96 e voltou a subir, validando a área de suporte de US$ 100 pela quarta vez desde o final de maio.

No entanto, o movimento de alta tem sido fraco até agora. Além disso, o DCR ainda segue uma linha de tendência de baixa. Até que rompa esta linha, a tendência de curto prazo não pode ser considerada de alta.

Gráfico do DCR no TradingView

QNT

O QNT segue uma linha de tendência de baixa desde que atingiu o preço recorde de US$ 429 no dia 11 de setembro. O movimento o levou a uma baixa de US$ 256 no dia 21 de setembro, antes da reversão da tendência.

O ativo rompeu sua linha de tendência de baixa na sexta-feira (1). A área de resistência mais próxima é encontrada entre US$ 341 e US$ 362.

Gráfico do QNT no TradingView

NEAR

O NEAR é negociado dentro de um canal de baixa desde que renovou sua máxima histórica na quarta-feira (29). A queda tem sido gradual e instável, indicando que é provável que seja corretiva.

No período entre os dias 21 e 29 de setembro, o token voltou a subir após atingir o nível de retração de 0,5 de Fibonacci em US$ 6,70, criando uma área de suporte horizontal.

Gráfico do NEAR no TradingView

WAVES

O WAVES está caindo desde 13 de setembro. No dia 20 o token caiu abaixo de uma linha de tendência de alta. Quatro dias depois, ele validou a linha como resistência ao lado da área de resistência horizontal de US$ 26,80 (ícone vermelho).

Até que consiga recuperar a área de resistência e a linha mencionada, a tendência não pode ser considerada de alta.

Gráfico da WAVES no TradingView

Confira nossa análise mais recente do Bitcoin (BTC).

O artigo XBD, HT, CELO, AVAX, DCR, QNT, NEAR, WAVES – as piores da semana foi visto pela primeira vez em BeInCrypto.

Marketcrypto.com.br: News

EnglishGermanPortugueseRussian