Usuários relatam como é usar a moeda digital da China

Usuários relatam como é usar a moeda digital da China

Um cidadão chines relatou, pela primeira vez, como foi usar a moeda digital do Banco Central da China, o DC/EP.

O usuário, que pediu para ser chamado de Peng, contou que pôde usar a Moeda Digital do Banco Central (CBDC, na sigla em inglês) quando ganhou um prêmio que ganhou na loteria:

“Depois de ganhar na loteria, me senti com muita sorte. Mais tarde, fui aos comerciantes usar renminbi digital para consumir e me senti muito mágico”, disse Peng.

Peng relatou que, após ser sorteado, foi a lojas de conveniência e restaurantes de hot pot para fazer compras.

“No momento, é semelhante ao uso do WeChat e Alipay para pagar, mas é mais seguro e confiável. Também estou ansioso por cenários de aplicativos mais perturbadores no futuro”, disse.

 

Primeira experiência RMB digital

Outro cidadão a usar a CBDC chinesa foi Liu. Em 12 de outubro, ele recebeu uma mensagem de texto da plataforma de relações governamentais de Shenzhen.

Liu contou que na mensagem de texto continha o link para download do app do RMB digital bem como um guia de operação. Segundo ele, o aplicativo “é muito conveniente de operar.”

Um fato notável é que a cor do renminbi digital varia de acordo com o banco que o usuário escolher. Assim, pode ser vermelho, azul ou verde.

O renminbi digital do Banco Agrícola selecionado por Liu, por exemplo, é verde. Já o renminbi digital exibido pelo banco de construção selecionado por Peng é azul.

Renminbi digital no comércio

Mian Dian Wang é um dos comerciantes-piloto e possui dez lojas no distrito de Luohu, em Shenzhen.

O comerciante destacou que o piloto de renminbi digital ainda está no início. Portanto, o volume de transações não é muito grande.

O valor atual da transação em renminbi digital é de cerca de quatro a cinco mil yuans por dia.

Para os comerciantes, o maior destaque do uso do renminbi digital é a taxa de manuseio gratuita.

Ou seja, se os comerciantes usarem WeChat ou Alipay para cobrar pagamentos, certas taxas de manuseio precisam ser deduzidas ao sacar dinheiro.

Nesse sentido, os comerciantes afirmam que a aplicação do renminbi digital reduz os custos de transação.

Por outro lado, Wang observou que, por se tratar de um piloto de pequena escala, muitos cidadãos, principalmente de meia-idade e idosos, ainda não entendem o renminbi digital.

Expansão dos testes

Há poucos dias, Fan Yifei, vice-governador do banco central, divulgou o teste interno do renminbi digital na reunião anual do SIBOS 2020.

Na ocasião, ficou decidido que, até o final de agosto de 2020, haveria mais de 6.700 cenários-piloto em todo o país. Dessa forma, os testes cobririam pagamento de seguro de vida, serviços de alimentação, transporte, compras, serviços governamentais e outros.

Portanto, um total de 113.300 carteiras pessoais e 8.859 carteiras públicas foram abertas. Houve mais de 3,12 milhões de transações, e o valor da transação ultrapassou 1,1 bilhão de yuans.

Os cenários de aplicação também estão sendo expandidos.

Atualmente, o Instituto de Pesquisa de Moeda Digital do Banco Central alcançou cooperação estratégica com vários provedores de varejo, como Meituan e Didi, e empresas de Internet, como Station B e JD Digital.

Leia também: Coinbase recebeu quase 2.000 solicitações de dados do governo

Leia também: Rússia coloca limite de R$ 3,5 mil para compra de criptomoedas por mês

Leia também: PIX: Nubank e Mercado Pago são acusados de cadastro indevido de clientes

BTC LAST NEWS: Crupto Facil