Rockfellers já estão envolvidos com Bitcoin, diz gestor de fundo

Rockfellers já estão envolvidos com Bitcoin, diz gestor de fundo

A BlackRock, maior gestora de ativos do mundo, começou a “brincar” com Bitcoin, de acordo com seu diretor de investimentos, Rick Rieder.

Em entrevista à CNBC, concedida nesta quarta-feira (17), Rieder expôs sua opinião sobre a principal criptomoeda do mercado.

Além disso, explicou como a empresa com US$ 7,4 trilhões em ativos sob gestão está se aproximando do Bitcoin. No entanto, ele não fez muitas revelações sobre isso:

“Começamos a brincar um pouco com isso […] Minha sensação é que a tecnologia evoluiu e os regulamentos evoluíram a ponto de várias pessoas sentirem que ela deveria fazer parte do portfólio. Isso é o que está pressionando o preço”, ressaltou.

“Brincando” com Bitcoin

De acordo com Rieder, diversificar com ativos como criptomoedas é coerente. Isso porque os hedges tradicionais, como taxas de juros, não funcionam mais, segundo ele.

Conforme explicou o executivo, cada vez mais pessoas estão investindo em criptomoedas à medida que procuram reservas de valores.

Mas apesar de falar sobre uma eventual inclusão do Bitcoin no portfólio, ele não especificou qual porcentagem do portfólio deve ser mantida na criptomoeda:

“Eu não colocaria um número na porcentagem de alocação que se deveria ter, depende de como o resto do seu portfólio se parece”, disse.

Após a entrevista de Rieder, alguns dos principais entusiastas do Bitcoin se pronunciaram. Eles especularam o que pode acontecer a partir de agora com a maior gestora de ativos do mundo “mexendo” com Bitcoin.

Fonte: Anthony Pompliano/Twitter
Fonte: Anthony Pompliano/Twitter

“Blackrock está relatando que eles ‘se envolveram’ com Bitcoin. Eles são os maiores gestores de ativos do mundo. O que diabos você acha que vai acontecer a seguir??”, tuitou Anthony Pompliano.

Já Raoul Pal, disse:

“Presume que todos vocês viram isso. Não é uma grande surpresa, mas é o maior gestor de ativos do mundo e eles já compraram alguns Bitcoins.”

Contratos Futuros de Bitcoin

Como disse Pal, o envolvimento da Blackrock com o Bitcoin não é surpresa.

Afinal, como noticiou o CriptoFácil, em janeiro a gestora enviou à Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC, na sigla em inglês) a documentação necessária para obter autorização para realizar investimentos em Bitcoin.

Segundo os documentos, os investimentos seriam para dois de seus fundos: BlackRock Global Allocation Fund Inc. e BlackRock Funds V.

A forma de investimento seria através de derivativos, como contratos futuros.

Leia também: Elon Musk faz outra criptomoeda disparar 1.000% ao falar de Marte

Leia também: Bitcoin se prepara para seguir em alta enquanto ouro cai 9%

Leia também: Preço do Bitcoin segue outra criptomoeda, diz Marcel Pechman

BTC LAST NEWS: Crupto Facil