Ripio adquire BitcoinTrade em expansão na América Latina

Ripio adquire BitcoinTrade em expansão na América Latina

A Ripio é uma exchange argentina que tem se expandido pela América Latina. A empresa já conta com funcionários em cinco diferentes países da região.

Segundo um comunicado encaminhado nesta terça-feira (5) ao CriptoFácil, a Ripio adquiriu a exchange brasileira BitcoinTrade.

A aquisição se dá após a exchange argentina ultrapassar a marca de 1 milhão de usuários.

Expansão na América Latina

De acordo com o comunicado, a negociação durou cerca de 3 meses, sendo finalizada no dia 31 de dezembro. Como resultado, a BitcoinTrade fará parte da holding da Ripio.

Carlos Andre Montenegro, fundador e CEO da BitcoinTrade, falou sobre a entrada no grupo da exchange argentina:

“Estamos muito entusiasmados e confiantes de que a Ripio é a melhor escolha para ajudar a estender o caminho que construímos com a BitcoinTrade no Brasil. Estou honrado em fazer parceria com uma equipe tão talentosa e continuar esta jornada em direção a novos horizontes.”

Montenegro deixará o cargo de CEO da exchange e passará a integrar a Ripio no nível de holding.

A liderança executiva da BitcoinTrade agora será exercida por Bernardo Teixeira, atual CFO da BitcoinTrade.

A Ripio é uma grande empresa do ramo de criptomoedas na América Latina. Surgida em 2013, desde seu início ela conta com apoio de grandes figuras como Draper Ventures, Digital Currency Group e Pantera Capital.

Ademais, ela foi também uma das primeiras startups voltadas a criptomoedas na América Latina. Durante seus anos de existência, a Ripio já firmou parcerias com Mercado Pago, Visa e Circle.

É importante ressaltar que os serviços de ambas as empresas se complementam. A Ripio tem como carro-chefe sua carteira, ao passo que a BitcoinTrade se destaca pelo seu serviço como exchange.

Assim, a aquisição representa uma união de forças focada na expansão sobre a América Latina, principalmente considerando que metade dos 1,3 milhão de usuários da Ripio são brasileiros.

Vale ressaltar que a Ripio foi a única empresa de criptomoedas da região a ser listada como Pioneira em Tecnologia pelo Fórum Econômico Mundial em 2020.

Por sua vez, a BitcoinTrade é uma das exchanges de maior volume do Brasil. A soma das bases de usuários pode ser muito benéfica para ambas as empresas.

Leia também: Ethereum vai disparar em fevereiro, diz trader que previu preço do Bitcoin

Leia também: Mais um fundo investe R$ 6,5 bilhões em Bitcoin

Leia também: Trader veterano não teme queda do Bitcoin: “vai chegar em US$ 45 mil”

BTC LAST NEWS: Crupto Facil