Reino Unido questiona publicidade de Floki Inu em Londres

Avatar



Um anúncio aprovado pela Transport For London para a compra de tokens Floki Inu causou preocupação por parte da ASA e de políticos do Reino Unido.

A Advertising Standards Authority (ASA) do Reino Unido está investigando se os anúncios nos ônibus de Londres divulgando a Floki Inu violam as regras de publicidade do país. Alguns políticos, incluindo Sian Berry, do Partido Verde de Londres, questionaram a aprovação de tais anúncios pelo Transport for London.

O anúncio exibia o seguinte texto: “Perdeu Doge? Obtenha a Floki”. A Floki Inu, a entidade por trás da criptomoeda, com sede na Geórgia, afirma que seguiu todas as regras para a criação de sua campanha publicitária divulgada em Londres, que incluía isenções de responsabilidade sobre a natureza arriscada de investir em ativos cripto, e condenou os esforços dos políticos para censurar tais anúncios.

Anúncio da Floki Inu gera discussões

A Autoridade de Conduta Financeira no Reino Unido ainda precisa redigir uma legislação em torno da publicidade de produtos e serviços cripto, embora tenha legislação sobre como as instituições financeiras tradicionais podem realizar anúncios. A entidade também já emitiu avisos no passado para plataformas de mídia social sobre anúncios fraudulentos.

A ASA afirmou que os anúncios de criptomoedas não devem conter jargões ou linguagem de difícil compreensão e devem alertar sobre os riscos potenciais. Isso se aplica à mídia direcionada ao público em geral, enquanto os anúncios em publicações especializadas podem conter linguagem técnica.

 A entidade também disse que as instituições deste mercado que os investidores optam por fazer uso não serão capazes de recrutar os serviços do ombudsman para resolver problemas e que o dinheiro pode ser irremediavelmente perdido.

Maior fiscalização em anúncios de criptomoedas

Anúncios como o da Luno, uma exchange de criptomoedas, que foi sinalizada após ser anunciada na TFL, atraindo os espectadores a comprar Bitcoin em maio de 2021. O chefe da empresa, Marcus Swanepoel, disse que a falta de clareza regulatória no Reino Unido não está facilitando para que as empresas do setor consigam cumprir as regras locais.

Em março, a ASA proibiu um anúncio da Coinfloor que descrevia o Bitcoin como “ouro digital”. A entidade advertiu em abril que os produtos não deveriam ser comercializados como sendo regulamentados pela Autoridade de Conduta Financeira. Foi comunicado ao Financial Times em julho de 2021 que a regulamentação de criptomoedas é uma área prioritária e eles serão duramente criticados por anúncios problemáticos.

No início deste ano, o TikTok alertou os criadores de conteúdo para não promover criptomoedas usando sua plataforma. Uma pesquisa com consumidores do Reino Unido conduzida por uma importante instituição financeira comportamental descobriu que 36% dos investidores em criptomoedas ainda tinham muito a aprender sobre este mercado. O Advertising Standards Council of India disse que investigaria anúncios cripto, sinalizando-os como uma preocupação potencial.

O artigo Reino Unido questiona publicidade de Floki Inu em Londres foi visto pela primeira vez em BeInCrypto.

Marketcrypto.com.br: News

EnglishGermanPortugueseRussian