Plataforma DeFi dá rendimentos em Bitcoin, XRP e outras criptomoedas

Plataforma DeFi dá rendimentos em Bitcoin, XRP e outras criptomoedas

A Harvest, uma nova plataforma de finanças descentralizadas (DeFi), planeja lançar serviços que permitirão aos usuários ganhar em Bitcoin, XRP e três outras criptomoedas.

A ideia da Harvest – primeira aplicação construída na blockchain Kava – é oferecer aos usuários oportunidades de fornecer criptoativos para empréstimos e ganhar juros sobre eles.

Além disso, a plataforma planeja permitir o uso de criptoativos como garantia para empréstimos. Foi o que afirmou Brian Kerr, cofundador e executivo-chefe da Kava.

Assim, tanto os mutuários quanto os credores podem ganhar HARD (símbolo de governança da Harvest).

Rendimentos em diferentes criptomoedas

Além de BTC e XRP, o Harvest também suportará Binance Coin (BNB), a stablecoin Binance USD (BUSD), Chainlink (LINK) e ativos digitais de Kava – KAVA e USDX.

A plataforma utilizará o token de governança HARD da Kava. Esse token dá aos usuários poder de decisão sobre os parâmetros da plataforma descentralizada.

“Coletivamente, os detentores de HARD são responsáveis ​​por gerenciar os principais parâmetros do Harvest, como quais ativos devem ser oferecidos, como as recompensas são distribuídas entre os ativos, bem como definir quaisquer taxas de plataforma, etc”, declarou Kerr.

Kerr disse que o Kava Labs espera que o fornecimento total e os serviços de empréstimo estejam disponíveis até o final do ano.

DeFi

Porém para Sam Tabar, cofundador da Fluidity, uma fintech voltada para tokenização, para que os mercados de capitais evoluam, os veteranos na indústria financeira precisam unir forças com os tecnólogos do blockchain.

Somente assim, será possível trazer a tecnologia fundamental do blockchain para os mercados financeiros de hoje.

“Se você observar o cenário da indústria como um todo, até o momento não houve uma plataforma abrangente construída por profissionais de tecnologia de blockchain e veteranos de finanças estruturadas”, diz Tabar.

Recentemente, como consequência do aumento dos projetos de DeFi, houve um recorde nas taxas de mineração.

Isso porque os mineradores do Ethereum ganharam 42.764 ETH em taxas em 17 de setembro, um valor histórico.

Isso significa que mais de 70% da recompensa pela mineração de um bloco vêm das taxas de transação. Portanto, em média, cada bloco minerado teve um valor total de recompensa superior a 6,5 ​​ETH.

Além disso, após o anúncio do airdrop do Uniswap (UNI), a comissão média de GAS por transação também aumentou para 493 Gwei (R$ 20). No entanto, mais recentemente, passou para 350 Gwei por transação (R$ 15).

Em contrapartida, há apenas um mês, foi feita uma proposta para melhorar a rede Ethereum. O objetivo é reduzir a recompensa dos mineradores para 0,5 ETH por bloco.

Então, caso a proposta seja aprovada, seria um duro golpe para uma comunidade que já enfrenta dificuldades de consenso.

Leia também: 3 tokens DeFi deram grandes lucros mesmo com queda

Leia também: Ethereum dá lucro recorde para mineradores com boom de DeFi

Leia também: Revolução em DeFi pode aumentar preço do Bitcoin, diz analista

BTC LAST NEWS: Crupto Facil