PIX: Nubank e Mercado Pago são acusados de cadastro indevido de clientes

PIX: Nubank e Mercado Pago são acusados de cadastro indevido de clientes

Duas fintechs que lideram o ranking do número de chaves PIX cadastradas estão sendo acusadas pelos clientes de cadastro indevido.

Trata-se do Nubank e do Mercado Pago que, juntos, possuem mais de 12 milhões de chaves cadastradas, de acordo com o Banco Central (Bacen).

Segundo reclamações dos clientes, as fintechs teriam feito o cadastro de suas chaves sem autorização.

No entanto, as instituições garantem que não registraram usuários sem consentimento. Além disso, negam ter induzido a alocação de todas as chaves em uma só conta.

Guerra das chaves

Conforme noticiou o Valor Econômico nesta sexta-feira (16), diversos clientes de fintechs estão reclamando de irregularidades no cadastro.

O comerciante Tiago Bezerra, por exemplo, disse que quando foi cadastrar seu CPF em seu banco principal descobriu que o Mercado Pago já havia vinculado o documento.

“Não fiz nenhum cadastro no Mercado Pago, nem mesmo o pré-cadastro”, disse.

Mas não se trata de um caso isolado. Isso porque Dilmar Ribeiro, usuário do Mercado Livre também enfrentou problemas nesse sentido.

Ele disse que pré-cadastrou o CPF no Mercado Pago, mas a fintech confirmou automaticamente o registro sem sua solicitação.

Reclamações do Nubank

O Nubank, com seus mais de 8 milhões de cadastros, também não ficou de fora das reclamações:

Sobre o cadastro de mais de uma chave no Nubank, o Valor apurou que, no ato do cadastramento, a fintech oferece por padrão CPF, celular e e-mail automaticamente preenchidos como chaves.

Nesse sentido, é necessário que o cliente deixe marcada apenas a chave que deseja cadastrar.

O que disseram as instituições

Ao Valor, o Bacen disse que “monitora e supervisiona continuamente o processo de cadastramento de chaves PIX, já tendo iniciado processos formais de fiscalização de participantes”. 

A autoridade monetária ainda destacou que se houver irregularidades, os infratores serão punidos “nos termos da regulação vigente”. 

O Mercado Pago afirmou, em nota, que “não cadastra uma chave Pix sem o consentimento do usuário”. A fintech ainda explicou que os clientes são informados sobre a possibilidade de cadastrar as chaves para que possam escolher quais registrar.

O Nubank, por sua vez, disse em nota que “todas as chaves foram cadastradas com a devida autorização dos clientes”.

“Preparamos cuidadosamente um fluxo prático e simples de comunicação e, no dia 5/10, enviamos pedido de consentimento via aplicativo a todos os clientes que haviam feito o pré-cadastro”, afirmou.

Leia também: Vida de trader: 7 em 10 investidores de criptomoedas têm medo de perder tudo

Leia também: PicPay cobrará taxa para transferir auxílio emergencial e FGTS

Leia também: Google coloca Bitcoin em primeiro lugar entre moedas mundiais

BTC LAST NEWS: Crupto Facil