Mozilla aceita doações em Dogecoin e cofundador reclama

Avatar

Um dos cofundadores da Mozilla mostrou sua indignação pelo fato da empresa por trás do navegador passar a aceitar doações em Dogecoin (DOGE).

A Mozilla Foundation, organização sem fins lucrativos responsável pelo Mozilla Firefox, anunciou que passaria a aceitar doações em Dogecoin (DOGE) na última sexta-feira (31), por meio do provedor de pagamentos cripto BitPay.   

A entidade possui um longo histórico de aceitação de criptomoedas. Em 2014, passou a receber doações em Bitcoin (BTC) via Coinbase. Nos anos seguintes, a organização expandiu o mecanismo para outras criptomoedas, como Ethereum (ETH), Bitcoin Cash (BCH), Litcoin (LTC), Shiba Inu (SHIB) e agora, DOGE.

Aceitação da Dogecoin gera críticas

No entanto, a adesão da criptomoeda meme parece não ter surtido grande efeito nos seguidores da Mozilla Foundation. No Twitter, diversos usuários criticaram a escolha, chegando a afirmar que cancelariam suas doações. Entre os mais descontentes, estava um dos criadores do navegador, Jamie Zawinski.

Segundo ele, que ajudou a fundar o Mozilla em 1998 e deixou o projeto no ano seguinte, “todos os envolvidos no projeto deveriam estar profundamente envergonhados com esta decisão de fazer parceria com golpistas Ponzi que incineram o planeta”.

Má reputação das criptomoedas

As críticas do cofundador do Mozilla refletem a reputação ruim que o mercado cripto possui em diversas comunidades. Conforme suas palavras, as criptomoedas, especialmente as meme coins, são frequentemente taxadas de fraudulentas e usadas para aplicar golpes e atividades ilegais.

Além disso, outro tema que gera diversas críticas a essa classe de ativos é o impacto ambiental causado especialmente pelo Bitcoin, que possui uma rede que demanda grande quantidade de energia.

Nas últimas semanas, Cazaquistão e Kosovo relataram estarem enfrentando problemas em suas redes de energia , devido a grande quantidade de mineradores que estão realizando atividades em seus territórios.

Anteriormente, o impacto ambiental do BTC foi usado como justificativa por Elon Musk para explicar porque a Tesla deixaria de aceitar pagamentos na criptomoeda.

NFTs também são vistos com maus olhos por diversas comunidades, que chegam a boicotar ou criticar seus artistas nesse sentido. O grupo de k-pop BTS, por exemplo, recebeu diversas críticas de seus fãs após anunciar uma nova coleção de tokens não fungíveis.

O artigo Mozilla aceita doações em Dogecoin e cofundador reclama foi visto pela primeira vez em BeInCrypto.

Marketcrypto.com.br: News

EnglishGermanPortugueseRussian