Mineração continua na China apesar de proibição do governo

Avatar

Mineradores de Bitcoin (BTC) chineses ainda estão operando no país, mesmo depois que a proibição desta atividade foi instituída.

Mineradores de Bitcoin na China estão trabalhando furtivamente, sobrevivendo usando fontes de energia fora da rede. Recentemente, houve migração e um êxodo em massa de empresas de mineração chinesas para jurisdições mais amigáveis ao mercado cripto, em especial na América do Norte e na Ásia Central.

Isso ocorre após uma proibição geral de atividades relacionadas a criptomoedas no país. Muitos mineradores com menos recursos tiveram que parar suas atividades.

A maioria está sobrevivendo de uma combinação de eletricidade da rede, energia hidrelétrica e manipulação de endereços IP para proteger seus meios de subsistência.

Outros mineradores permaneceram no país. Isso se deve a diversos motivos, como a restrições de viagens por causa da pandemia, problemas na cadeia de suprimentos e falta de contatos e capial no exterior.

Como mineradores estão sobrevivendo na China?

Os mineradores na China estão usando uma combinação de rede elétrica e hidrelétrica. Eles usam energia hidrelétrica de barragens das províncias de Sichuan e Yunnan. Essas barragens são imperceptíveis e menos propensas a atrair a atenção do governo.

Isso é especialmente viável durante a estação chuvosa, que ocorre de maio até o final do outono. Os mineradores constroem sua própria infraestrutura para tornar a energia das barragens compatível com seus equipamentos de mineração.

Um minerador possui dois locais (8 megawatts e 12 megawatts). Os sites usam VPNs para evitar a detecção do governo. A China Telecom atua como um vigilante do governo chinês em relação à atividade de mineração.

A empresa chinesa de segurança cibernética Qihoo 360 lançou recentemente um relatório. Ele mostra que a mineração continua a florescer no país, apesar de sua proibição. De acordo com o relatório, há 109.000 endereços de protocolo de internet (IP) de mineração ativos todos os dias. Alguns mineradores estão recorrendo a reservatórios de mineração para ocultar suas operações.

Pools de mineração no exterior

Pools de mineração também estão se tornando cada vez mais populares para os mineradores na China. Quando um bloqueio é resolvido, o nome do pool de mineração geralmente é anexado ao bloqueio no livro-razão público.

No entanto, este nome não precisa ser anexado. E ao não anexá-lo, os mineradores chineses evitam ser detectados. Os pacotes de dados provenientes de centros de dados chineses são criptografados para aparecer como tráfego da web comum para qualquer pessoa que monitore a troca de dados.

Os pools de mineração no exterior também ajudam os data centers chineses com problemas técnicos. Eles podem disfarçar o número de endereços IP exclusivos provenientes de um data center. Ter muitos endereços IP também é uma bandeira vermelha para o governo.

O tempo dirá se as flutuações sazonais nas chuvas levarão a um maior êxodo de equipamentos de mineração e mineradores na China. Mudar para a Mongólia e Xinjiang, como era feito no passado para ter acesso à eletricidade movida a carvão, é impossível atualmente para esses usuários e empresas.

O artigo Mineração continua na China apesar de proibição do governo foi visto pela primeira vez em BeInCrypto.

Marketcrypto.com.br: News

EnglishGermanPortugueseRussian