Investidores sacam R$ 30 bilhões em BTC de exchanges aguardando valorização

Investidores sacam R$ 30 bilhões em BTC de exchanges aguardando valorização

Duas estatísticas sobre o Bitcoin (BTC) corroboram para o otimismo de parte da criptoesfera sobre a criptomoeda: a quantidade de BTC depositada nas exchanges e o número de grandes investidores (baleias) no mercado.

Assim, os dados da CryptoQuant indicam que a quantidade de BTC depositado nas exchanges está despencando em 2020.

Além disso, o número de baleias com mil ou mais BTC está aumentando, de acordo com a Glassnode.

Ambas as estatísticas demostram que os grandes investidores estão aumentando os seus estoques de BTC.

Bitcoin está sendo fluindo para fora de exchanges

A CryptoQuant, empresa que estuda o mercado de criptomoedas, publicou a seguinte estatística:

Bitcoin
Bitcoin

A linha vermelha demonstra a quantidade de Bitcoin depositada nas corretoras de criptomoedas. A linha preta, por sua vez, representa o preço do BTC em dólares.

Dessa maneira, o depósito nas exchanges está em queda: em novembro de 2019, havia mais de 2,8 milhões de BTC sob a guarda das corretoras.

Porém, o BTC começou a ser retirado das exchanges em 2020. A partir de julho, o movimento se intensificou.

Atualmente, há menos de 2,3 milhões de BTC depositados nas exchanges, o que resulta num déficit de 500 mil BTC (R$ 30,59 bilhões) em um ano.

Quantidade de baleias do Bitcoin está aumentando

O número de baleias no mercado do BTC guarda relação com a retirada de BTC das exchanges:

BTC
BTC

Desse modo, de acordo com a Glassnode, o número de grandes investidores do BTC está crescendo em 2020.

A Glassnode considera como baleias os investidores que possuem, ao menos, 1.000 Bitcoins (R$ 61,13 milhões).

Atualmente, há cerca de 1.900 entidades – entre pessoas e empresas – que detêm a quantidade mínima de BTC em questão.

Estatísticas mostram confiança em valorização do BTC

Os dados sobre o mercado do Bitcoin indicam que há otimismo em relação ao preço futuro da criptomoeda.

Isso acontece porque o número de investidores de BTC de alto poder aquisitivo está aumentando.

Ademais, quando os investidores – pequenos ou grandes – retiram Bitcoin das exchanges, é provável que eles não estejam interessados em vender as suas criptomoedas no curto prazo.

O crescimento no número de baleias pode ser reflexo de dois fatores: a entrada de novos investidores no mercado e o acúmulo de BTC por parte dos investidores antigos.

Logo, os investidores que acumulam BTC o fazem na intenção de esperar pela valorização da criptomoeda, conforme indicado pela própria Glassnode:

“O número de baleias do Bitcoin está numa tendência de alta nos últimos meses. Isso indica que indivíduos com mais capacidade financeira estão entrando no mercado do Bitcoin, na expectativa de valorização da criptomoeda.”

Leia também: “Tsunami institucional está chegando ao Bitcoin”, diz Tyler Winklevoss

Leia também: Trader revela como transformou 0,19 BTC em 8 Bitcoins em 3 semanas

Leia também: BitcoinTrade já deu quase R$ 1 milhão em Bitcoin a clientes

BTC LAST NEWS: Crupto Facil