Dólar dispara e IBOV recua em razão de dois grandes fatores

Dólar dispara e IBOV recua em razão de dois grandes fatores

O ano de 2020 está sendo difícil para o mercado brasileiro.

Devido à pandemia provocada pelo novo coronavírus, o dólar disparou na cotação com o Real.

Além disso, o IBOV também sofreu uma queda em 2020 devido à recessão econômica.

No entanto, não é só a pandemia que afeta o Real e o IBOV.

Com um cenário interno movimentado por crises políticas durante o ano, o Real desvalorizou além do que era previsto.

Dessa forma, o Real alcançou o posto de pior moeda do mundo em 2020 na comparação com o Dólar.

Agora, novamente, o preço da moeda estadunidense está disparando.

Porém, quais são os motivos que explicam a valorização do dólar e a queda do IBOV desta vez?

Dólar em 2020

Ata de reunião do FED tem crítica ao Real

Os dirigentes do Banco Central dos EUA (Fed) realizaram uma reunião na última quarta-feira, 19 de agosto. Essa reunião ocorre de forma semelhante ao que acontece no Brasil com o COPOM (Comitê de Política Monetária).

Assim, um dos tópicos discutidos na reunião foi o Real. No documento, as autoridades estadunidenses citam a desvalorização da moeda brasileira.

Outros problemas lembrados foram as turbulências políticas e o número crescente de casos de infectados pelo COVID-19 no Brasil.

Apesar de não conter nenhuma novidade, a “lembrança” do Real na reunião entre os estadunidenses é vista com maus olhos pelo mercado.

Vale lembrar que, no ano, a valorização do dólar chega a 40% na cotação com Real. Atualmente, o dólar está cotado a R$ 5,65.

IBOV nos últimos 5 dias

Senado rejeita veto ao reajuste dos servidores

Além da ata do Fed, uma notícia interna contribui para a alta do dólar. O Senado acaba de rejeitar o veto imposto pelo presidente Jair Bolsonaro ao reajuste salarial dos servidores públicos.

A manobra dos políticos está sendo mal digerida pelos investidores, que temem pelos efeitos econômicos do aumento dos salários públicos em meio a uma pandemia.

O tema ainda vai ser analisado pela Câmara dos Deputados. Contudo, uma derrota em definitivo do veto pode derrubar de vez o mercado brasileiro.

Além do dólar, a B3 Bovespa também está sentindo os efeitos da decisão recente do Senado.

Por esse motivo, até o momento, o IBOV está em queda de 1,10%, cotado a 99.742 pontos.

Leia também: Baleia de Bitcoin da Bitfinex recomenda compra de duas altcoins

Leia também: Altcoin passa preço do Bitcoin ao atingir R$ 74.000

Leia também: USDT muda de blockchain para fugir de altas taxas do Ethereum

BTC LAST NEWS: Crupto Facil