Concurso de humor ironiza “Faraó” que perdeu Bitcoin

Avatar



Estátua de Faraó rindo

Ainda é difícil ver uma piada sendo contada sobre o mercado de criptomoedas, visto que é um setor novo pelo mundo. Assim, um concurso de contos de humor em Piracicaba pode ter sido o primeiro, ao ironizar um “Faraó” que perdeu seus Bitcoins.

Desde 2011, a Prefeitura do Município de Piracicaba, interior de São Paulo, publica anualmente o “Concurso Microcontos de Humor“. Este evento premia em dinheiro os três melhores contos de humor que contém até 140 caracteres.

Em 2021, na 11.ª edição, os participantes puderam enviar contos de até 280 caracteres. Além dos três vencedores, outros 97 contos são escolhidos para compor uma Antologia, sendo de caráter internacional e fica disponibilizada na Biblioteca Pública Municipal da cidade.

Os resultados deste concurso de 2021 foram publicados em outubro, mas a antologia foi disponibilizada a público apenas agora em novembro.

Conto de humor em Piracicaba ironiza um “Faraó” que perdeu Bitcoin

Chamado “Contos da Cripto”, e escrito por um brasileiro morador de São Paulo, a anedota lembra que um “Faraó” perdeu seus Bitcoins em um esquema de pirâmide.

Anedota Contos da Cripto irozina um faraó que perdeu seus Bitcoins em um esquema de pirâmide
Anedota Contos da Cripto irozina um faraó que perdeu seus Bitcoins em um esquema de pirâmide /Crédito: Antologia do 11.º Concurso de Microcontos de Humor de Piracicaba 2021

A Antologia completa está disponível para download no site da Biblioteca Pública de Piracicaba, contando com os três contos vencedores e mais 97 anedotas de humor, que inclui a primeira que cita Bitcoin no concurso.

Não está claro se essa piada reflete alguma situação que aconteceu de fato na realidade, mas acabou sendo julgada pela comissão como uma dos 100 melhores contos de humor, que teve 419 inscritos de todo o Brasil e até do Exterior.

Caso recente no Brasil envolve uma situação similar

Desde agosto de 2021, o Brasil parou para acompanhar o que pode ser um dos maiores esquemas de pirâmide financeira com a imagem do Bitcoin. A empresa GAS Consultoria Bitcoin, comandada por Glaidson Acácio dos Santos e outros líderes, teria arrecadado R$ 38 bilhões com investidores, prometendo-lhes rendimentos fixos no mercado.

Essa prática acabou chamando a atenção das autoridades, que após reportagens veiculadas pela televisão pública, em um programa de grande repercussão, acabaram efetuando uma investigação e apreensão de suspeitos e seus bens.

Glaidson era conhecido entre investidores por “Faraó dos Bitcoins”, após fundar uma empresa em Cabo Frio, mas que recrutou investidores de todo Brasil. Preso desde 25 de agosto, ele é apontado como um dos líderes do esquema hoje investigado pela Polícia Federal na Operação Kryptos.

Ao ser preso, o “Faraó dos Bitcoins” teve suas moedas digitais apreendidas pelas autoridades, que já concordaram em vender elas no mercado.

Não está claro se o brasileiro que participou do concurso de humor se inspirou no caso da GAS Consultoria Bitcoin para criar sua piada, mas o caso certamente chama atenção.

Fonte: Livecoins

Marketcrypto.com.br: Livecoins

EnglishGermanPortugueseRussian