Comunidade de criptomoedas discute se Twitter é prejudicial ao Bitcoin

Comunidade de criptomoedas discute se Twitter é prejudicial ao Bitcoin

O “Crypto Twitter” é um termo bastante utilizado para se referir à comunidade dos entusiastas das criptomoedas na rede social.

Dessa maneira, a comunidade dos entusiastas é composta por investidores, empresários e fundos de investimento. Por fim, o público em geral também integra a esfera de criptoativos do Twitter.

Contudo, como não poderia deixar de ser, essa comunidade é considerada tóxica por diversos críticos.

Isso está gerando uma discussão na rede social sobre a viabilidade da ferramenta para os investidores.

Afinal, o Twitter é capaz de gerar uma percepção negativa a respeito do Bitcoin e das outras criptomoedas?

Entusiastas no Twitter fazem mal ao Bitcoin?

Na publicação abaixo, Matt Corallo escreve:

Crítica ao Crypto Twitter

O ‘Twitter do Bitcoin’ realmente subestima o tanto de dano que já fez ao Bitcoin.

Pessoas inteligentes que teriam feito grandes coisas com o Bitcoin estão trabalhando em outras atividades. Enquanto isso, pessoas inteligentes trabalhando com o BTC têm dificuldade de receber patrocínio, já que o capital de risco não vê um impulso no Bitcoin.

Após o tuíte, dezenas de usuários opinaram sobre o assunto. As opiniões são extremamente variadas: muitas pessoas concordam com Corallo, enquanto outras discordam completamente.

Matt Corallo completa afirmando que há muita “gritaria e desdém” e assédio moral no Twitter em vez de informação.

Twitter é fonte de informações, mas é preciso agir com cautela

Numa opinião inversa, Pierre Rochard comentou minutos após a publicação de Corallo:

Pierre Rochard sobre o Crypto Twitter

O ‘Twitter do Bitcoin’ subestima o tanto de coisas boas que já fez pelo BTC. Ele se transformou numa fonte incrível de esclarecimento e distribuição de informações técnicas e econômicas. Há tanta coisa acontecendo com o Bitcoin que o Twitter é um ‘jato’ de inovação e novos projetos!

Ambas as opiniões se contrapõem. Contudo, ambas são expressões de pontos diversos da comunidade de criptomoedas.

A comunidade dos entusiastas de criptomoedas é capaz de fazer coisas boas e ruins pelo Bitcoin.

Existem argumentos mais “diretos” que acabam sendo entendidos como grosseria. É comum ver essa forma de expressão em discussões sobre altcoins e o ramo de finanças descentralizadas (DeFi).

Em discussões, é normal que os ânimos se exaltem. Ademais, isso pode ser potencializado na internet.

Entretanto, não é possível limitar a comunidade dos entusiastas de Bitcoin e altcoins aos “trolls”.

O próprio Twitter apresenta perfis com escopo mais educativo, como grandes investidores e portais de notícia.

No fim, o entusiasta de criptomoedas que utiliza o Twitter está fadado a filtrar o que mais lhe agrada, como ocorre em qualquer rede social.

Leia também: 10.000 BTC foram a leilão por R$ 100 e ninguém se interessou

Leia também: Mercado de Bitcoin parece com mercado de alta em 2016, afirma Grayscale

Leia também: Bitcoin pode bater R$ 250 mil se romper alta histórica, afirma famoso trader

BTC LAST NEWS: Crupto Facil