Chefe de pirâmide atira nas vítimas do golpe que cobraram satisfação

Chefe de pirâmide atira nas vítimas do golpe que cobraram satisfação

Um homem, investigado pela Polícia Civil por criar uma pirâmide financeira e dar golpes em várias pessoas, atirou contra uma das vítimas do esquema na manhã de quarta-feira (16).

O crime aconteceu em Itamonte, no Sul de Minas Gerais. A vítima do disparo foi levada para o hospital e não corre risco de morte.

Entenda o caso

De acordo com o portal Hoje em Dia, a vítima tinha ido tirar satisfações com o suposto líder da pirâmide após ser lesada pelo esquema.

À polícia, a vítima contou que tem passado por sérios problemas financeiros após investir na pirâmide e não receber os rendimentos prometidos. Ele teria perdido, inclusive, sua própria casa.

Assim, ele contou que decidiu acampar na casa do suposto líder do esquema com seu filho de 8 anos até que conseguisse conversar sobre a questão.

Quando o crime aconteceu, eles já estavam há alguns dias acampados em frente a casa do suspeito.

A vítima havia montado acampamento em frente da casa do suspeito (Fonte: Hoje em Dia)
A vítima havia montado acampamento em frente da casa do suspeito (Fonte: Hoje em Dia)

Na quarta-feira, pela manhã, a mãe do suspeito teria ameaçado o homem e a criança com um cabo de vassoura.

Então, quando a discussão ficou mais intensa, o suspeito de estelionato saiu de casa armado e disparou contra o homem. Ele foi atingido no ombro e prontamente socorrido pelos vizinhos.

Já na parte da tarde, o autor do disparo foi até a delegacia da cidade com seu advogado para se entregar à polícia. Ele também entregou o revólver usado no crime.

No entanto, o homem não ficou preso.  

Para cuidar do filho da vítima, foi acionado o Conselho Tutelar. Além disso, a entidade registrou um boletim de ocorrência contra a mãe do suspeito. A acusação é de ameaça ao menor.

Sobre a Pirâmide Financeira

Ainda segundo o portal Hoje em Dia, a Polícia Civil afirmou que não é possível dar detalhes sobre o suposto esquema de pirâmide financeira.

Os levantamentos sobre o caso ainda estão sendo realizados.

Leia também: Ações do Bradesco, Vale e Petrobrás dão prejuízo a investidores

Leia também: Donos da G44 estão nos Emirados Árabes e se recusam a voltar

Leia também: Maior inimigo do Bitcoin será o Estado, aponta pesquisa

BTC LAST NEWS: Crupto Facil