Cardano (ADA) volta a subir e recupera importante suporte

Avatar

A Cardano (ADA) rompeu uma linha de tendência de baixa de curto prazo e está perto de confirmar uma reversão para uma tendência de alta.

A Cardano (ADA) está seguindo uma linha de tendência de baixa desde que atingiu a máxima histórica de US$ 3,1 em 2 de setembro. O movimento continuou até 4 de dezembro, quando o ativo atingiu um fundo de US$ 1,18.

Posteriormente, a Cardano iniciou um movimento de alta e recuperou a área horizontal de US$ 1,45, que anteriormente funcionava como suporte. Indicadores técnicos são de alta.

O MACD, que é criado por médias móveis de curto e longo prazo (MA), está subindo e é quase positivo. Isso significa que a média de curto prazo é mais rápida do que a de longo prazo, o que ocorre em tendências de alta.

O RSI, que é um indicador de força de tendência, cruzou acima da linha 50. Movimentos acima desta linha também são considerados sinais de tendência de alta.

No entanto, até que a ADA consiga romper essa linha de tendência de baixa, a tendência não pode ser considerada de alta. Se ocorrer um rompimento, a área de resistência mais próxima seria encontrada em US$ 1,95.

Gráfico da ADA no TradingView

Movimentação de curto prazo

O gráfico de seis horas mostra que a ADA já rompeu uma linha de tendência de baixa de curto prazo, que estava em vigor desde 8 de novembro.

A área de US$ 1,95 é reforçada neste tempo gráfico, pois além de ser uma área de resistência horizontal, é também o nível de retração de 0,618 de Fibonacci. Portanto, um rompimento acima seria um grande indicativo de alta.

Gráfico da ADA no TradingView

Contagem de ondas da ADA

O trader de criptomoedas @TheTradingHubb esboçou um gráfico para a ADA, afirmando que o token concluiu sua correção e agora irá retomar seu movimento de alta.

Fonte: Twitter

Ambas as partes do movimento de baixa (destacado) tinham uma proporção de 1: 1, o que significa que eram iguais em comprimento. Portanto, é provável que a correção esteja completa.   

A primeira área de resistência está em US$ 1,94, o nível de retração de 0,382 (branco) de Fibonacci. No entanto, seria mais provável que a Cardano (ADA) subisse para os níveis de retração de 0,5 ou 0,618 de Fibonacci. Estes níveis estão em US$ 2,16 e US$ 2,38, respectivamente.

Gráfico da ADA no TradingView

Confira a análise do dia do Bitcoin.

O artigo Cardano (ADA) volta a subir e recupera importante suporte foi visto pela primeira vez em BeInCrypto.

Marketcrypto.com.br: News

EnglishGermanPortugueseRussian