Bitcoin não vai iniciar alta por 3 motivos, aponta analista

Bitcoin não vai iniciar alta por 3 motivos, aponta analista

Nos últimos sete dias, o Bitcoin experimentou pelo menos duas tentativas de romper a barreira dos US$ 11 mil.

Em todas elas, o preço falhou em seguir o movimento de alta. As duas tentativas ocorreram nos dias 16 e 18 de setembro.

Entre esses dias, o preço do Bitcoin se manteve pelo menos na faixa dos US$ 10.800.  No entanto, a resistência dos US$ 11 mil se mostrou forte.

Em uma recente análise, Marcel Pechman lista algumas métricas que podem estar impedindo a alta do Bitcoin.

São elas: uma barreira “psicológica”, as taxas de financiamento de futuros e o volume de negociação.

Resistência “psicológica” trava Bitcoin

Em um texto publicado no Cointelegraph Brasil, Pechman afirmou que a resistência talvez seja “psicológica”. Segundo ele, a confiança do mercado está baixa no momento.

Bitcoin (BTC)
Bitcoin (BTC)

“US$ 11 mil parece mais uma barreira psicológica do que uma resistência, mas atualmente não há sinais de que os traders estão confiantes após a recente recuperação dos preços”, afirmou Pechman.

Taxa de financiamento de futuros

Um indicador de otimismo dos traders é a taxa de financiamento dos contratos futuros de Bitcoin. Essa taxa geralmente é alterada a cada oito horas nas exchanges que negociam esses contratos.

As taxas de contratos podem ser positivas ou negativas. Quando a taxa é positiva, os compradores estiverem usando mais alavancagem do que os vendedores.

Já quando os vendedores de contratos futuros (vendidos) estão exigindo mais margem, a taxa dos contratos fica negativa.

Segundo dados da plataforma Skew, houve um breve momento de otimismo em 2 de setembro, quando a taxa de financiamento tornou-se positiva.

Isso foi antes da queda abaixo de US$ 11 mil. Desde então, porém, o indicador ficou negativo e não há indicação de alta.

BTC
BTC

Segundo Pechman, as taxas negativas podem indicar um movimento negativo no preço do Bitcoin.

“Nem toda alta levará a uma taxa de financiamento positiva. No entanto, é muito incomum que movimentos positivos ocorram durante os períodos em que o financiamento é negativo”, afirmou.

Volumes inexpressivos em exchanges

Os volumes de negociação são um dos indicadores mais utilizados pelo mercado. Eles avaliam como está o fluxo de demanda pelo Bitcoin.

Quando uma alta ou queda no preço ocorre sem uma mudança substancial no volume, isso desperta alertas. Afinal, o movimento pode ser um sinal falso.

Em sua análise, Pechman destaca o baixo volume de negociação do Bitcoin nos últimos dias. Esse dado pode indicar falta de força para o prosseguimento da alta rumo aos US$ 12 mil.

“Dados do Messari mostram o volume agregado ajustado de US$ 2,15 bilhões (R$ 11 bilhões) de Bitcoin para 15 e 16 de setembro. Embora 13% acima da média de 7 dias anterior, ainda está muito abaixo dos níveis de pico de US$ 3 bilhões (R$ 15 bilhões) vistos nos últimos dois meses”, disse.

Fluxo de demanda pelo Bitcoin
Fluxo de demanda pelo Bitcoin

Leia também: CEO do Twitter diz: Bitcoin é a melhor criptomoeda da atualidade

Leia também: Estados Unidos pode causar alta no Bitcoin em breve

Leia também: Semana das criptomoedas: SUSHI colapsa, nova alta do Bitcoin em breve e malware rouba criptomoedas

BTC LAST NEWS: Crupto Facil