Bitcoin (BTC) continua em alta e ultrapassa resistência importante

Avatar



O Bitcoin (BTC) subiu significativamente na quinta-feira (30), criando um grande candle de alta e ultrapassando a área de resistência de US$ 44.000.

O Bitcoin também está se aproximando da linha de resistência de um canal paralelo e está em processo de fazer um rompimento desse padrão gráfico.

Análise mensal do BTC

Durante o mês de setembro, o Bitcoin sofreu com algumas quedas. Com isso, a diferença entre os preços de abertura e fechamento do mês teve uma uma redução de US$ 3.400.

Apesar da queda, os indicadores técnicos ainda não são de baixa. O RSI ainda está acima de 50 e o MACD é positivo. No entanto, ambos estão apresentando uma perda considerável de força.

Além disso, o candle de baixa esta contido no corpo da vela de alta anterior e a linha do supertrend é de alta. Portanto, embora haja alguma fraqueza em desenvolvimento, a tendência mensal ainda é de alta.

Gráfico do BTC no TradingView

Bitcoin rompe resistência

Na quinta-feira, o Bitcoin criou um candle de alta e moveu-se em direção à área de resistência de US$ 44.000. A mesma área já havia atuado como suporte ao longo de agosto e início de setembro. No dia seguinte, a criptomoeda conseguiu ultrapassar esta área, indicando um forte sinal de alta.

No mesmo dia, o MACD também criou uma barra de momento superior (ícone verde), um sinal de que a força da tendência está potencialmente oscilando para o lado de alta. No entanto, o indicador ainda é negativo e o RSI está abaixo de 50. A área de suporte mais próxima se encontra em US$ 38.000.

Gráfico do BTC no TradingView

Movimentos futuros

O gráfico de seis horas mostra que o BTC é negociado dentro de um canal paralelo de baixa. Após voltar a subir ao atingir o nível de retração de 0,5 de Fibonacci (círculo verde), ele iniciou um movimento de alta em direção à linha de resistência do canal.

O Bitcoin conseguiu romper a faixa de preço de US$ 46.300 (nível de de retração de 0,5 (branco)). Com isso, ele pode potencialmente atingir o nível de US$ 47.850. Este valor é a retração de 0,618 e uma área de resistência horizontal.

Gráfico do BTC no TradingView

Contagem de ondas

A contagem de ondas mais provável sugere que a queda que começou em 7 de setembro foi uma estrutura corretiva A-B-C completa (laranja). A queda deu às ondas A:C uma proporção próxima de 1:1.

No entanto, o salto contínuo (destacado) não parece o início de um novo impulso. Portanto, é provável que o BTC esteja em uma estrutura corretiva complexa e esteja atualmente na onda X (preto).

A área de resistência que tem mais confluências de Fibonacci é encontrada em US$ 46.350. Este é o nível de retração de 0,5 Fib de todo o movimento de alta e daria às ondas de curto prazo A:C uma proporção de 1:1. Depois disso, o Bitcoin pode começar outro movimento de baixa.

Gráfico do BTC no TradingView

O artigo Bitcoin (BTC) continua em alta e ultrapassa resistência importante foi visto pela primeira vez em BeInCrypto.

Marketcrypto.com.br: News

EnglishGermanPortugueseRussian