Ações poderão ser tokenizadas nos Estados Unidos, afirma SEC

Ações poderão ser tokenizadas nos Estados Unidos, afirma SEC

Ações, ETFs e outros ativos poderão ser “tokenizados” no futuro. É o que pensa o presidente da Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos (SEC, na sigla em inglês), Jay Clayton.

Clayton apresentou sua visão em um webinar realizado pela Câmara de Comércio Digital dos EUA. O evento, intitulado “Dois lados da moeda americana: inovação e regulamentação de ativos digitais”, ocorreu na sexta-feira (2).

Ele destacou que todas as negociações de ações hoje são eletrônicas, em comparação a 20 anos atrás. No passado, havia certificados de ações em papel; hoje existem entradas digitais que representam ações.

Adicionalmente, Clayton mostrou acreditar no poder da tecnologia blockchain.”Pode ser muito bom que todos eles sejam tokenizados”, disse Clayton.

Autoridades destacam papel da blockchain no mercado financeiro

O webinar deu foco ao que é necessário para aumentar o uso da blockchain e criptoativos.

Além de Clayton, esteve presente Brian Brooks. Brooks é o controlador interino da moeda no Escritório de Controladoria da Moeda (OCC, na sigla em inglês).

Clayton e Brooks disseram que recebem bem a inovação trazida pelos criptoativos. No entanto, afirmaram que ela deve ocorrer dentro de estruturas regulatórias.

Diante do comentário, a seguinte pergunta foi dirigida a ambos: as estruturas regulatórias atuais são suficientes?

“A resposta curta é sim. Nossa estrutura regulatória, os princípios de nossa estrutura, são testados pelo tempo e foram testados por meio de muitas inovações”, disse Clayton.

Estruturas sólidas e de longo prazo

Brooks, que recentemente ingressou no OCC vindo da Coinbase, elogiou bastante as estruturas de blockchain.

Ele afirmou que o OCC tem uma “visão de longo prazo” para o futuro desse mercado. Em sua visão, isso pode criar a internet das finanças.

“Temos um grande interesse em tentar imaginar um futuro de médio prazo. Nada de pessoas especulando sobre os movimentos do preço do Bitcoin, mas um futuro de médio prazo onde essas redes de blockchain que foram construídas são basicamente a Internet das finanças”, disse Brooks.

No entanto, ele acredita que nem todos os projetos serão bem-sucedidos. Isso ocorrerá seja por problemas de compliance, seja por essas criptomoedas não serem relevantes.

“A maioria dos projetos de criptomoeda vai falhar. Eles não serão relevantes para uma necessidade específica ou levantarão questões fundamentais de conformidade legal ou algo assim.”

Leia também: Bitcoin segue com baixa volatilidade e atinge recorde

Leia também: Plataforma blockchain brasileira é referência em segurança nos EUA

Leia também: “Ethereum” terá que informar à justiça sobre criptomoeda da BWA

BTC LAST NEWS: Crupto Facil