70% dos Bitcoins estão parados há mais de 1 ano

70% dos Bitcoins estão parados há mais de 1 ano

O Bitcoin disparou para um novo recorde acima de US$ 28.000 e um valor de mercado acima de US$ 500 bilhões. Com isso, o criptoativo ficou bem perto dos 10 primeiros colocados no mercado global de ações.

Entretanto, o preço do Bitcoin pode ser ainda maior do que o valor atual.

Isso porque, desde 1º de janeiro de 2020, a quantidade de Bitcoin que não foi transferida para fora do endereço é de 13 milhões.

Preço do Bitcoin pode ser ainda maior

Portanto, em termos da circulação atual de 18,58 milhões, 70% dos Bitcoins não mudou de endereço desde o inicio de 2020.

Além disso, essa proporção ainda pode ser subestimada porque é calculada com base em registros de transferência. Em outras palavras, isso quer dizer que o volume de BTC movimentado em algumas exchanges não está incluído nessa balanço.

Isso quer dizer que não há tantos Bitcoins em circulação quanto o esperado. Por outro lado, centenas de milhares de Bitcoins já foram comprados pela Grayscale e por magnatas institucionais neste ano.

Paralelamente a isso, há também o sucesso das finanças descentralizadas (DeFi). Portanto, existem mais de 140.000 tipos de wbtc e renbtc hipotecados à rede, bem como as plataformas de empréstimo centralizadas.

Nesse sentido, dados de 27 de dezembro da Alternative.me mostraram que o sentimento de negociação na criptomoeda permaneceu “extremamente ganancioso” por mais de um mês.

Com isso, os analistas sugerem que a ascensão unilateral não é um desempenho saudável do mercado. Mas sim uma certa correção.

“A atual rodada de preços do Bitcoin pode ser o resultado de altas expectativas de inflação. O que interessa aos investidores institucionais é o lucro, não sentimentos como “fé no Bitcoin” ou “revolução da blockchain”. Com a recuperação gradual da economia, a política monetária mudará gradualmente de aperto para moderado após a epidemia ter sido gradualmente abrandada. Neste momento, os investidores institucionais podem vender Bitcoin”, disse William, pesquisador-chefe da OKEx Research.

Vale ressaltar que o valor de mercado do Bitcoin saltou para o 11º lugar em ativos globais. Com isso, a criptomoeda ultrapassou o valor de mercado da gigante global de pagamentos, Visa.

Leia também: Elon Musk afirma que pode usar criptomoedas na colonização de Marte

Leia também: Trader perde R$ 9 milhões em token durante o Natal

Leia também: Criptomoeda valorizou 1.700% em 2020 e pode manter alta

BTC LAST NEWS: Crupto Facil