4 criptomoedas deixaram o Bitcoin para trás em valorização

4 criptomoedas deixaram o Bitcoin para trás em valorização

O Bitcoin (BTC) conquistou o mundo em 2021, atingindo níveis jamais vistos.

Na quarta-feira (17), a maior criptomoeda do mercado renovou, mais uma vez, seu recorde histórico superando os US$ 52.540. Ou seja, mais de R$ 284 mil na cotação em reais.

Nas últimas 24 horas, a valorização da moeda digital líder é de cerca de 16%. No ano de 2021, o BTC acumula uma alta de aproximadamente 70%.

Bitcoin acumula alta de 70% em 2021
Bitcoin acumula alta de 70% em 2021. Fonte: CoinGecko

No entanto, embora o BTC venha recebendo grande apoio institucional, como da Tesla de Elon Musk, outras criptomoedas do mercado também vêm se destacando.

Aliás, algumas delas estão deixando o Bitcoin “na poeira” em termos de valorização, como destacou a Forbes.

Nesta quinta-feira (18), a revista de negócios publicou uma matéria listando as moedas digitais que estão superando o Bitcoin.

Criptomoedas deixam o Bitcoin para trás

Conforme observou a Forbes, o domínio do BTC caiu de 70% para 60% neste ano com a valorização de outros criptoativos.

Um deles é o Ethereum. A segunda maior criptomoeda do mercado registrou um novo recorde histórico atingindo US$ 1.924,56 (R$ 10.413).

Assim, desde o dia 1º de janeiro, a ETH subiu 150%, adicionando ganhos de mais de 500% nos últimos 12 meses.

A alta da Ether coincide com o aumento do interesse pelo mercado de finanças descentralizadas (DeFi). Como os maiores projetos de DeFi são construídos na plataforma do Ethereum, o preço da criptomoeda disparou com a entrada de novos usuários.

Alta da ETH no ano é de mais de 150%
Alta da ETH no ano é de mais de 150%. Fonte: CoinGecko

Outros projetos que também superaram o BTC em 2021, até o momento, são Polkadot (DOT) e Cardano (ADA). As criptomoedas subiram 255% e 420%, respectivamente, desde 1º de janeiro.

Essa alta, segundo a Forbes, é resultado de um aumento de interesse nesses projetos que vêm sendo considerados possíveis concorrentes do Ethereum

Outro ativo digital a valorizar mais que o Bitcoin no ano é a Binance Coin (BNB). O token da Binance acumula uma alta de 375% desde o início do ano.

A Forbes explicou que a valorização resulta da concentração de comerciantes na plataforma da Binance, uma das maiores do mundo.

Leia também: Binance Coin acumula alta de quase 3.000% e exibe bom momento de compra

Leia também: Day Trader diz que nunca mais comprará Bitcoin

Leia também: Atualização de privacidade do Bitcoin é explicada por especialista

BTC LAST NEWS: Crupto Facil